S.E.R. Caxias do Sul
O Torcedor
Torcidas Organizadas

MATERIAIS RESTRITOS | ESTÁDIO CENTENÁRIO | 01 março de 2018

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA

BRIGADA MILITAR – CRPO/SERRA

12º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Orientação sobre materiais restritos e acesso de torcida organizada aos estádios em Caxias do Sul.

Ref.: Lei nº 10.671, de 15 de maio de 2003 (Estatuto do Torcedor).

 

Para garantir a segurança do evento e de todos os torcedores, alguns objetos não podem acessar o estádio. São eles:

  • Máquinas fotográfica e filmadoras profissionais;
  • Pilhas sobressalentes.
  • Garrafa térmica de vidro ou plástico, bebidas em latas.
  • Cuia e bomba para chimarrão.
  • Garrafas, copos, jarras, latas ou qualquer outra forma de recipiente fechado de qualquer tipo que possa ser atirado e causar lesões, bem como outros objetos feitos de vidro ou qualquer outro material frágil, estilhaçável ou especialmente duro, embalagens tetrapak ou caixas térmicas duras;
  • Livros ou material escolar/escritório.
  • Instrumentos que emitam raios laser, apontadores a laser ou instrumentos similares;
  • Instrumentos que produzam volume excessivo de barulho, tais como megafones, sirenes, buzinas a gás;
  • Computadores pessoais (laptops);
  • Objetos cortantes, pontiagudos ou que possam colocar o público em risco;
  • Animais de estimação de qualquer espécie;
  • Correntes e capacetes de motociclista e ciclista;
  • Guarda-chuva/sombrinha com ponta, guarda-sóis, cadeiras e banquinhos.
  • Bastões, cassetetes, aparelhos de choque, tubos de gás, spray de espuma, sinalizador, fogos de artifícios, outros engenhos pirotécnicos ou dispositivos que produzam efeitos similares.
  • Armas de fogo ou armas brancas (tesouras, facas, canivetes, revólveres e pistolas);

 

OBS:

  • Os instrumentos e materiais previstos para as Torcidas Organizadas, tais como, charangas, bandeiras, faixas e mastros; devem ser previamente cadastrados, constando o nome do torcedor, RG, e o instrumento ou material que estará em sua posse. Tal lista deve ser remetida aos e-mails 12bpm-3cia@bm.rs.gov.br e 12bpm-p3@bm.rs.gov.br com antecedência mínima de um dia útil antes da data do jogo, bem como, os responsáveis pela torcida devem apresentar uma via impressa de tal relação no momento do ingresso ao estádio.
  • As torcidas organizadas visitantes também deverão informar o horário de chegada na cidade, a quantidade de torcedores/ônibus e local de concentração, a fim de promover a necessária segurança no local e no itinerário de deslocamento até o estádio.
  • Todas as torcidas organizadas deverão estar em condições de serem submetidas à fiscalização, revista e acesso ao estádio com no mínimo de 01 (uma) hora de antecedência do início do jogo.
  • A entrada de bandeiras, mastros e outros objetos peculiares que possam oferecer qualquer tipo de ameaça à segurança do evento será restrita, dentro das disposições estabelecidas pelo Estatuto do Torcedor.

 

Falange Grená

Uma vida dedicada a S.E.R. Caxias. Em 5 de março de 1994, um novo coração começou a pulsar no Estádio Centenário. Muitos foram os caminhos percorridos até aqui com um único objetivo: estar sempre ao lado do Caxias. A grande maioria deixa sua família de lado para acompanhar o seu clube de coração aonde quer que ele esteja e por pior que seja a sua fase. A Força Independente Falange Grená completou 20 anos de existência. Isso só é possível porque há anos atrás, apaixonados perceberam que o futebol não é apenas uma bola rolando dentro das quatro linhas do campo; É muito mais que isso.

A nossa grande torcida resistiu a tudo, sobrevive e não irá se acabar, pois o Caxias é maior que tudo em nossas vidas. Nossa alma está no grito que ecoa nas arquibancadas do Centenário. Nossa presença sempre é temida. Somos respeitados porque conquistamos isso dos nossos adversários. Que nossos filhos prolonguem esta história. Que o único motivo por estarmos aqui, o nosso Grená, permaneça vivo em nossos corações. Aqui se aprende amar o Caxias! 

Forza Granata

Nascida como um movimento popular de torcedores pela S.E.R. Caxias do Sul e adotando a cultura sul-americana e italiana de torcer em 22 de janeiro de 2009 surge a, posteriormente denominada Forza Granata. Com o intuito de apoiar as cores grená, azul e branco idealiza o apoio incondicional durante os 90 minutos. Atualmente localizados na ferradura Sul do Estádio Centenário e utilizando os tradicionais tirantes tricolores, barras, guarda-chuvas, bandeirolas e faixas de incentivos, gera uma festa imperdível e inigualável entre as torcidas de mesma característica no Brasil. Impondo sempre o clube em primeiro lugar e auxiliando na busca de novos torcedores e sócios. Participe da já tradicional entrada da banda em uma grande festa, embalado pela afinadíssima Banda do Cemitério empurrando o time grená às vitórias.

Rosa Grená

O Rosa Grená é um grupo de torcedoras da S.E.R. Caxias que, juntamente com o departamento de Marketing do clube, promove ações e eventos destinados às crianças e os torcedores grenás. O núcleo iniciou suas atividades junto ao aniversário do clube em 2012 e já realizou diversas ações sociais com crianças e idosos e eventos para a torcida, como o “Concentração Grená” e o “Arraiá Grená”. Além disso, o Rosa Grená proporciona às crianças a experiência de entrar em campo com os jogadores, conquistando assim, a nova geração grená.

O trabalho voluntário exige dedicação e comprometimento junto à paixão pela S.E.R. Caxias. As torcedoras que têm interesse em fazer parte do grupo, seja em ações isoladas ou como membro do Rosa Grená, podem enviar e-mail para relacionamento@sercaxias.com.br ou enviar uma mensagem na página do núcleo no Facebook (www.facebook.com/RosaGrena).